FacebooktweeteryoutubehistorypinSlideshare
Get flash player to play to this file
FACEBOOK
NEWSLETTER

Remover e-mail da newsleter:


DESTAQUES

PTM IBÉRICA

Sobrevoando o Porto de Aveiro #1 | 2014 | VÍDEOFOTO

Jardim Oudinot | Fotos Aéreas| 2014 | VÍDEOFOTO

Exercício/Simulacro “Porto Seguro 2013” (Vídeo-foto 1)

Porto de Aveiro em movimento #1 | 2014 | VÍDEOFOTO

Sobrevoando o Porto de Aveiro #2 | 2014 | VÍDEOFOTO

Bicentenário da abertura da Barra de Aveiro

Praia da Barra – Fotos de outros tempos

Excursão dos Empregados Superiores do «Diário de Notícias» a Viseu e Aveiro - 1930


METEO
Tempo Aveiro
LINKS

Figueira
Arquivo


Publicidade

FOTOS

 Saída para o Mar

Saída para o Mar
SLIDESHOW



Exercício de Combate à poluição promovido pela Administração do Porto de Aveiro

Realizou-se no dia 16 de dezembro de 2016, no Terminal de Granéis Líquidos, o exercício de Combate à poluição promovido pela Administração do Porto de Aveiro.

O exercício foi precedido por duas ações de formação de atualização do curso de Operador de Combate à Poluição no Mar, direcionado para os elementos do Núcleo de Combate a Derrames do Plano de Emergência Interno da Administração do Porto de Aveiro, para os elementos da Corporação de Bombeiros de Ílhavo, e das duas Corporações de Bombeiros de Aveiro e em que também participaram dois elementos da Capitania, na qualidade de observadores.

No cenário definido para o exercício de incidente de derrame simulado, o navio atracado na ponte cais n.º26 em operação de descarga de gasóleo comunicou o alerta de derrame às 08:00, ao Centro de Controlo de Tráfego Marítimo Portuário (CCTM).

De imediato o CCTM iniciou os procedimentos de comunicação do alerta de incidente de poluição à Autoridade Marítima e demais entidades.
Após verificação inicial da situação no local foram definidas as primeiras medidas de atuação em consonância com os procedimentos definidos no Plano Mar Limpo (PML) e no Plano de Emergência Interno (PEI) da APA.

Na primeira fase de intervenção foi dada prioridade à operação de contenção do produto derramado. Foram utilizadas barreiras insufláveis a jusante e a montante do navio, estabelecidas a partir do cais e da embarcação de combate à poluição. Foi determinante nesta operação a articulação entre as equipas de combate à poluição da APA, da Capitania e do Rebocador da empresa Tinita, possibilitando em curto intervalo de tempo proceder à delimitação total do derrame.

Na segunda fase de intervenção, fase de recolha do produto derramado, foram utilizados dois equipamentos recuperadores (de discos e de cordões) conectados a um tanque autossustentável, que possibilitou a recolha e armazenagem inicial do produto.

Este simulacro, que envolveu na totalidade cinquenta elementos das autoridades e entidades com responsabilidade no âmbito do Plano Mar Limpo (PML) possibilitou, testar, validar e aperfeiçoar os dispositivos de resposta face a incidentes de poluição no meio marinho.

 

 


 



Data: 2017-12-21



Newsletter: Subscrever | Newsletter: Cancelar | Política de Privacidade e Confidencialidade

feed
mapa